Aulas presenciais retornam dia 30 de agosto em Santana do Paraíso

 Aulas presenciais retornam dia 30 de agosto em Santana do Paraíso

Bruno Morato destaca importância de retorno com respeito ao protocolo de segurança

Professores voltam dia 23, visando aos ajustes para o acolhimento dos alunos

A Secretaria Municipal de Educação anuncia que as aulas presenciais retornam no dia 30 de agosto, nas seis escolas municipais e nos oito Centros Municipais de Educação Infantil (CEMEIS) de Santana do Paraíso. Os professores retornam antes, dia 23 de agosto, para ajustarem o planejamento e prepararem o acolhimento dos alunos. O retorno presencial estará garantido para as três modalidades de ensino oferecidas pelo município: Creche (2 e 3 anos), Pré-Escola (4 e 5 anos) e Ensino Fundamental I (1º ano 5º ano).

A secretária municipal de Educação, Janice Alves da Silva, explica que o retorno das aulas presenciais será feito por meio de um sistema de revezamento semanal, em que 50% dos alunos estudam de forma presencial e outros 50% estudam em casa, com apoio do material do PET (Plano de Estudo Tutorado).

O retorno das aulas presenciais é resultado de um amplo debate com a sociedade civil e com as autoridades da área da saúde, visando à aprovação de um sólido Protocolo de Segurança Sanitária, em razão do cenário de pandemia causado pela Covid-19.

Esse protocolo, que deverá ser seguido pelos estudantes e profissionais das escolas, foi elaborado após meses de diálogo na Comissão de Trabalho Intersetorial da Pandemia da Covid-19 de Santana do Paraíso, composta por autoridades de diversas instituições e por membros da sociedade civil, conforme ressalta o prefeito Bruno Morato.

“O retorno às aulas presenciais era um desejo de todos nós. Mas, antes, era necessário muita responsabilidade, para garantir segurança aos nossos alunos, seus familiares e aos nossos profissionais da educação. Agora que fizemos o dever de casa, temos a satisfação de anunciar esse retorno, uma vez que as aulas presenciais são fundamentais para o aprimoramento do ensino-aprendizagem dos alunos e para garantir-lhes o princípio básico da socialização por meio escola”, afirma o prefeito.

Publicações relacionadas

X