Prefeitura de Ipatinga recebe visita do Exército por causa da Covid-19

 Prefeitura de Ipatinga recebe visita do Exército por causa da Covid-19

Um grupo de militares do Exército Brasileiro, proveniente do Comando da 4ª Região Militar, de Belo Horizonte, esteve na manhã desta quinta-feira (6) na Prefeitura de Ipatinga, para discutir junto a autoridades do município locais a serem atendidos por uma ação de desinfecção visando conter a propagação do novo Coronavírus, que será desenvolvida nos próximos dias. 

Participaram da reunião representantes da Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria de Governo, Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, Secretaria de Comunicação, Secretaria de Segurança e Convivência Cidadã e Secretaria de Serviços Urbanos e Meio Ambiente.

O encontro ocorreu após um contato prévio do Exército com a secretária de Saúde do município, Érica Dias, dando conta de que a ação de sanitização vem sendo realizada em algumas cidades do país com maior prevalência de casos da doença.  

Após a reunião, foram visitados vários locais que normalmente recebem maior concentração de pessoas e que poderiam ser desinfectados. A equipe designada para atuação no município contará com cerca de 70 militares, oriundos do 1° Batalhão de Defesa Química, Radiológica e Nuclear e da Escola de Instrução Especializada (EsIE), localizados no Rio de Janeiro, que ficarão instalados nas dependências do estádio João Lamego Netto (o Ipatingão).   

Durante o trabalho de desinfecção, com o uso de EPIs e trajes especiais, é aplicado quaternário de amônio, que tem durabilidade e eficácia de limpeza e desinfecção de até sete dias no ambiente. Neste período também será ofertada a servidores municipais uma capacitação para o procedimento.

De acordo com o major Márcio Wagner Dias Ferreira, a parceria com a Prefeitura de Ipatinga é mais uma iniciativa do Ministério da Defesa, em sintonia com estados e municípios, no combate ao Coronavírus.

“Continuamos planejando o emprego de nossas tropas em benefício da sociedade. Não medimos esforços para diminuir os números da pandemia da Covid-19”, finalizou.

Publicações relacionadas

X