Fabriciano dobra quantidade de leitos para atender pacientes com Covid-19

 Fabriciano dobra quantidade de leitos para atender pacientes com Covid-19

A Prefeitura se antecipou e já preparou, em tempo recorde, as obras necessárias no Hospital Dr. José Maria Morais para receber mais 60 leitos exclusivos para tratar Covid-19. O investimento foi de R$ 1,2 milhão, em recursos da Prefeitura. Agora, município aguarda a chegada de equipamentos que o Estado Estado de Minas Gerais se comprometeu com a administração municipal.

Com isso, o Hospital pode dobrar a sua capacidade de 60 para 120 leitos, sendo 25 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTIs) equipados com respiradores, em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde.

Neste momento, o HJMM ampliou em mais 20 leitos, sendo cinco já habilitados para atender pacientes graves com Covid-19. Até o momento, o município não registrou óbitos ou casos de maior gravidade, com necessidade de internação em UTI no Hospital gerido pela Prefeitura.

Desde o início da pandemia, a gestão Novos Tempos tem feito todos os esforços para a prevenção, controle e tratamento de pacientes do COVID-19 na cidade. Dentre elas, as adequações do Hospital para receber os leitos de UTI, como unidade de retaguarda, e tratar casos de maior gravidade com eficiência e segurança, quando o pico da doença chegar.

APENAS CASOS DE URGÊNCIA

A estrutura montada no HJMM é 100% SUS e destinada atender casos de urgência e emergência médicas.

A secretária de Governança da Saúde, Kátia Barbalho, explica:

“As UTIs são importantes no tratamento de pacientes com sintomas graves da Covid-19. Quando a vítima do novo coronavírus tem o quadro respiratório agravado, ela precisa ser entubada e submetida a tratamento com suporte específico, oferecido somente em UTIs. Daí a importância de tal iniciativa, já que o Hospital Dr. José Maria Morais é a única porta 100% SUS, com estrutura física, equipamentos e profissional, para atender a nossa população”, completa.

PREVENÇÃO E ATENDIMENTO PARA CASOS SUSPEITOS

Fabricianenses com suspeita ou quadro leves continuam a ser assistidos pelos serviços montados pela Prefeitura: o Tele Orientação – EuSaúde, pelo telefone (31) 99674-7263 e presencialmente, no Centro de Referência de Enfrentamento ao Coronavírus, na rua Albert Scharlet, s/n, das 7h às 19h, inclusive aos sábados, domingos e feriados.

A Prefeitura de Fabriciano também adotou uma série de medidas com foco na prevenção da disseminação do novo vírus. Dentre elas, estão vacinação em domicílio contra a gripe para idosos e profissionais de saúde – com 100% de cobertura – profissionais de educação e demais grupos da campanha; visitas domiciliares e identificação de casas onde vivem idosos e serviço de acolhimento emocional.

Publicações relacionadas

X