Secretaria de Saúde de Timóteo reforça importância da vacinação contra a gripe influenza

 Secretaria de Saúde de Timóteo reforça importância da vacinação contra a gripe influenza

(Reprodução/ PMT)

Baixa adesão da população à vacina é preocupante pelo aumento de casos
da doença; moradores com sintomas gripais leves devem procurar as
Unidades de Saúde

A baixa adesão à vacina contra a influenza mobilizou a Secretaria de Saúde
e Qualidade de Vida de Timóteo a reforçar a campanha de vacinação
contra a gripe. Esta situação tem sido verificada em praticamente todos os
municípios brasileiros e pode estar fundamentada por vários aspectos,
como a própria campanha contra a Covid-19. Em consequência, a
população pode ter optado por vacinar-se contra a Covid-19,
negligenciando a vacinação contra a influenza.
Em função disso, a gerente de Vigilância em Saúde, Ana Amélia Camilo
Soares fez um alerta para os moradores que ainda não tomaram a vacina
contra a gripe a procurar uma unidade até esta quarta-feira, haja vista que
na quinta (30) e sexta-feira (31) serão pontos facultativos nas repartições
públicas do Município. As unidades com doses disponíveis são as do
Alegre, Ana Moura, Ana Rita, Cachoeira do Vale, Limoeiro, Primavera, João
XXIII e Timotinho.
Segundo Ana Amélia, a influenza é uma infecção respiratória viral e pode
ser transmitida de forma direta por meio das secreções das vias
respiratórias de uma pessoa contaminada ao espirrar, ao tossir ou ao
falar. Por meio indireto é transmitida pelas mãos, que após contato com
superfícies contaminadas, podem transportar o vírus diretamente para
boca, nariz e olhos. Os sintomas são os seguintes: febre, dor de garganta
ou tosse seguido de congestão nasal; coriza; rouquidão; mal estar;
calafrio; cefaleia e mialgia.
Devem ser vacinadas contra Influenza todas as pessoas, exceto crianças
abaixo de 6 meses de idade.

Fluxo:

Ana Amélia aproveitou para reforçar a necessidade de os moradores
procurarem as unidades de saúde para tomar a vacina. “Quem tiver
sintoma gripal leve deve recorrer às Unidades Básicas de Saúde em dias
úteis e os casos mais graves recorrer a UPA Geraldo dos Reis Ribeiro, que
é uma unidade para atender, prioritariamente, os casos de urgência e
emergência”, disse a gerente de Vigilância em Saúde. Nos feriados e finais
de semana, a porta de entrada também é a UPA. Importante também que
as pessoas continuem usando máscara cobrindo o nariz e a boca, evitem
aglomeração e higienizem as mãos com água e sabão ou álcool 70%.

Publicações relacionadas

X