Ipatinga faz aditamento de contrato para atender a demanda por cirurgias eletivas

 Ipatinga faz aditamento de contrato para atender a demanda por cirurgias eletivas

(Divulgação/PMI)

Por meio da Secretaria de Saúde, a Prefeitura de Ipatinga está dando mais um passo importante em direção ao oferecimento de uma prestação de serviços mais ágil e qualificada à população. O município lançou, nesta segunda-feira (8), o Programa Fila Zero – Cirurgia Eletiva, que tem como meta alcançar os pacientes que aguardam há tempos por intervenções cirúrgicas, eliminando assim uma grande demanda reprimida. Atualmente, a fila de espera é de cerca de 4 mil intervenções cirúrgicas de média e alta complexidade.

Em ato no prédio-sede do Executivo municipal, foi aditado o contrato de prestação de serviços com a Fundação São Francisco Xavier (FSFX) voltado para o atendimento na área. Um documento assinado pelo prefeito de Ipatinga, Gustavo Nunes; pelo secretário de Saúde, Cléber de Faria, e pelo presidente da FSFX, Salvador Prado Júnior, prevê a retomada dos atendimentos de cirurgias eletivas no município.

Desde março de 2020 os procedimentos estavam suspensos, devido à pandemia. Em agosto de 2021 o município assinou um contrato com a FSFX que prevê  o repasse de recursos municipais, destinados à realização de  cirurgias eletivas.

São mais de 280 tipos de procedimentos possíveis com o convênio. A Secretaria destaca como mais demandadas as cirurgias de hernioplastia, colelitíase (pedra na vesícula), cabeça e pescoço, ginecológicas, proctológicas e vasculares, dentre outras.

Prezando pela saúde de todos os munícipes, todas as medidas de segurança e prevenção à Covid-19 devem ser observadas, conforme preconizado pelos órgãos sanitários.

O prefeito Gustavo Nunes salienta que a retomada das cirurgias representa um alívio significativo para a rede assistencial de saúde do município, lembrando que as limitações impostas pela pandemia represaram ainda mais a fila de espera, impondo sacrifícios a muitas pessoas e, também, uma situação de desconforto ao poder público. “Caso seja necessário, para zerar completamente a fila de espera de cirurgias eletivas, em 2022 o município poderá fazer novo aditamento para aumentar o valor do recurso municipal”, adiantou o prefeito.

Além do chefe do poder Executivo e do secretário de Saúde de Ipatinga, estiveram presentes na solenidade desta segunda-feira o secretário municipal de Governo, Roberto Soares; o vice-prefeito e secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Alexsandro Espírito Santo; o diretor da FSFX, Mauro Oscar; o diretor de Soluções em Saúde, Marcelo Teixeira, e o gerente Administrativo do Hospital Márcio Cunha, Arlém Marcos Ferreira.

 

FILA ZERO 

No mês de setembro, a Prefeitura de Ipatinga deu início ao Programa Fila Zero – Ultrassonografia, uma ação que pretende eliminar inteiramente a fila de espera por exames de ultrassonografia. Parte dos exames também é executada pela Fundação São Francisco Xavier, dentro das unidades de atendimento, e outra parte acontece numa carreta com profissionais e equipamentos que percorre as Regionais do município. A carreta já atendeu no centro da cidade, no bairro Veneza II, no bairro Vila Celeste e, no último final de semana, esteve estacionada na região do bairro Bom Jardim.

Foram contratados 30 mil novos exames de ultrassom. Além desta pactuação, a Administração mantém outros três contratos que contemplam mais 17 mil exames por ano.

Publicações relacionadas

X