De Mastercard a Netflix; veja quais empresas suspenderam suas operações na Rússia

 De Mastercard a Netflix; veja quais empresas suspenderam suas operações na Rússia

(Reprodução/ Internet)

A Netflix anunciou hoje(7) a suspensão completa de seus serviços no território russo, em meio à invasão das forças do país na Ucrânia. Na quinta-feira (3), a plataforma de streaming já havia interrompido a produção de pelo menos quatro filmes e séries originais da Rússia que deveriam ser lançados na plataforma nos próximos meses. A empresa acompanha marcas como Apple, TikTok, Nike, Boeing, Visa, Mastercard, Paypal, que também deixaram de operar na região após o início do ataque.

A gigante do streaming também já havia se recusado a cumprir uma determinação do Kremlin de exibir TVs estatais em seu catálogo. “Dadas as circunstâncias em terra, nós decidimos suspender nosso serviço na Rússia”, confirmou um porta-voz da Netflix em declaração à revista norte-americana Variety.

A plataforma tem mais de 1 milhão de assinantes no país. Não serão aceitas novas assinaturas, mas a declaração da empresa não deixou claro se as contas já existentes serão impactadas e em qual grau, de acordo com a Bloomberg.

Outros duas grandes empresas do ramo digital também suspenderam operações no país europeu. A gigante de mídia social TikTok anunciou neste domingo (6) que suspendeu a publicação de todo o conteúdo de vídeo da Rússia para manter seus funcionários em segurança e cumprir as novas leis sobre “notícias falsas” naquele país. A outra empresa a adotar a suspensão de suas atividades foi a Apple, que nesta última terça-feira (1º) disse que interrompeu todas as vendas de produtos na Rússia em resposta à invasão russa da Ucrânia.

“Estamos profundamente preocupados com a invasão russa da Ucrânia e estamos com todas as pessoas que estão sofrendo como resultado da violência”, disse a Apple em comunicado.

Além das empresas que optaram por suspender operações na Rússia, outras também sofreram sanções do próprio governo russo, como é o caso do Grupo Meta, empresa matriz.

Já no ramo financeiro, as operadoras de cartões norte-americanas Visa e Mastercard também anunciaram que estão suspendendo as transações com cartões de suas bandeiras na Rússia, em resposta à invasão militar do país à vizinha Ucrânia.

No caso da Visa, pagamentos com cartões de sua bandeira emitidos na Rússia não irão mais funcionar fora do país, enquanto cartões Visa emitidos em outros países não irão ser aceitos dentro da rede russa. O fim das operações deve estar concluído nos próximos dias.

 

 

 

 

 

 

Com  informações de: SPLASH Uol, CNN, Correio Braziliense.

Publicações relacionadas

X