‘Se houver uma explosão, será o fim da Europa’: Presidente da Ucrânia sobre ataque a usina

 ‘Se houver uma explosão, será o fim da Europa’: Presidente da Ucrânia sobre ataque a usina

presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky – reprodução

“A Ucrânia tem 15 unidades nucleares: se houver uma explosão, será o fim de tudo, o fim da Europa!”. A declaração foi feita há pouco pelo presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, em pronunciamento no seu canal do Telegram para falar sobre o incêndio que atinge a usina nuclear de Zaporizhzhya. “Apenas uma urgente ação da Europa pode parar as tropas russas. Não permitam a morte da Europa a partir de uma catástrofe em uma usina nuclear”, completou o líder ucraniano.

O incêndio, porém, foi controlado e tropas russas assumiram o controle da usina nuclear. Apesar do bombardeio e do incêndio, os reatores nucleares de Zaporizhzhia não foram atingidos e o nível de radiação na região é normal, segundo informações repassadas por autoridades ucranianas à Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA). A usina nuclear é a maior da Europa e responde por 25% da geração de energia na Ucrânia.

Após o ataque, Zelensky falou com o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e com outros líderes europeus para renovar os apelos por ajuda na guerra contra a Rússia.

Publicações relacionadas

X