Cristiano Araújo deve ter CD com inéditas sete anos após morte

 Cristiano Araújo deve ter CD com inéditas sete anos após morte

Imagem: Divulgação

Cristiano Araújo morreu em junho de 2015, aos 29 anos, após o carro em que estava viajando com a namorada capotar na estrada. Sete anos depois, João Reis, pai do cantor revelou ao G1 que trabalha para reunir, junto com outras pessoas ligadas ao artista, algumas gravações inéditas para um novo CD.

“São músicas românticas, ele sempre teve essa tendência e o disco vai ter essa mesma pegada. É para lançar esse ano. A gente está dependendo de algumas participações de outros artistas, mas a produção está praticamente toda pronta”, contou João Reis, que acrescentou que essas gravações eram feitas por Araújo sempre que ia fazer um trabalho em estúdio.

Além de conter a voz do cantor, outros artistas também terão a voz adicionada às músicas. Entre os cantores que estarão no disco estão Felipe Araújo, irmão de Cristiano, Jorge (dupla com Mateus), Zezé di Camargo, Leonardo e Bruno e Marrone.

“A Marília Mendonça ia gravar, mas infelizmente não deu certo”, lamentou Reis. A Rainha da Sofrência morreu em novembro de 2021, após um acidente de avião.

“É muito importante, não só para mim, mas para todos os fãs que têm carinho. Já era para ter lançado o ano passado, mas com a pandemia, atrasamos. Mas estou na expectativa de ainda esse ano terminar esse projeto. Temos uma expectativa muito grande para fazer o lançamento”, explicou o pai do cantor.

Além do CD com inéditas, João Reis ainda trabalha para lançar um filme sobre a trajetória de Cristiano Araújo.

 

Para mais notícias clique aqui e também nos siga nas redes sociais @maisvipoficial

 

Fonte: Metrópoles

X