Rodrigo Mussi apresenta melhora significativa após cirurgia; veja o que irmão falou

 Rodrigo Mussi apresenta melhora significativa após cirurgia; veja o que irmão falou

O ex-BBB Rodrigo Mussi apresentou uma melhora significativa nas últimas 24 horas, de acordo com relato dos médicos que acompanham o tratamento do gerente comercial de 36 anos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas, em São Paulo.

Participante do Big Brother Brasil 2022, Rodrigo foi internado, na madrugada da última quinta-feira (31), depois de sofrer um acidente de carro na Marginal Pinheiros, na capital paulista. Ele teve uma parada cardiorrespiratória, traumatismo craniano e ferimentos pelo corpo. O quadro do paciente é grave, mas estável.

“Ele apresenta sinais de recuperação. Está sendo muito evolutiva a recuperação dele, e isso me deixa muito feliz, porque ele tem recebido muito apoio de todo mundo. Estive com meu irmão agora, e a feição dele, o semblante, está muito melhor”, conta Rafael Mussi, irmão mais novo do ex-BBB, em publicação no Instagram.

No último domingo (3), Rodrigo, que está intubado, movimentou, pela primeira vez, os braços e pernas, apesar de permanecer inconsciente, respirando com a ajuda de aparelhos. À família, médicos afirmaram que o “despertar” do paciente deve ser lento devido à gravidade da lesão. Ainda não há expectativa para a extubação.

“Ele se mexeu muito, muito. Ele não parava. E eu estou feliz! Ele tem uma absurda sede de viver”, acrescentou Rafael, animado com a recuperação do irmão. “Rodrigo sempre está em intervalos entre sobreviver ou ser feliz. A vida dele é assim, e ele é um guerreiro. Ele vai viver, ele vai levantar e sair de lá andando. Quero que vocês acreditem nisso”, afirmou Diogo Mussi, outro irmão do ex-BBB.

Sargento do Corpo de Bombeiros de São Paulo, Marcelo Vitório Rodrigues participou do resgate de Rodrigo Mussi, na madrugada da última quinta-feira. Em entrevista ao “Fantástico”, o profissional revelou que o ex-BBB sofreu uma parada cardiorrespiratória a caminho do hospital.

“A equipe da guarnição do resgate iniciou a massagem cardiopulmonar até a entrada do centro cirúrgico”, contou o sargento. “Ele apresentava um nível de consciência abaixo do verificado em uma pessoa normal. A resposta dele verbal seria apenas sons e gemidos, a ocular não era reagente e a física também não tinha nenhuma resposta”, contou.

Segundo médicos, a parada cardiorrespiratória pode afetar a recuperação do ex-brother. “Tanto diminuições da pressão e alterações de respiração quanto no funcionamento do coração acabam implicando na recuperação neurológica do paciente”, afirmou o médico do Pronto Socorro de Neurocirurgia do Hospital das Clínicas, Saul Almeida da Silva, em entrevista ao “Fantástico”.

 

Para mais notícias clique aqui. Nos siga nas redes sociais! @maisvipoficial

 

Fonte: O Globo

Publicações relacionadas

X