Eduardo Costa leva calote após colocar à venda mansão de R$ 10 milhões

 Eduardo Costa leva calote após colocar à venda mansão de R$ 10 milhões

(Reprodução/Instagram)

Cantor não teria recebido parte do dinheiro, que foi acordado em 36 parcelas e quer a rescisão do contrato

Eduardo Costa recorreu à Justiça de Minas Gerais para cobrar uma multa do comentarista esportivo e ex-jogador de futebol, Fábio Júnior Pereira, no valor de R$ 1 milhão. De acordo com a colunista Fábia Oliveira, na ação protocolada no dia 17 de dezembro de 2020, o cantor apresenta um instrumento particular de compromisso de venda e compra de um imóvel, que, segundo ele, não teria sido cumprido pelo comprador.

No contrato de venda, que teria sido assinado no dia 30 de julho do ano passado, o imóvel foi negociado por R$ 10 milhões. Trata-se de uma construção de 820,71 metros em uma área de 1.177 metros quadrados, localizada na cidade de Belo Horizonte, em Minas Gerais.

O sertanejo alega que o acordo incluía um sinal de R$ 6 milhões, e o restante seria pago em 36 parcelas de R$ 111 mil cada. Contudo, nenhum valor teria sido pago, mesmo com o envio de duas cobranças extrajudiciais.

Educardo Costa ainda diz que teria direito a receber uma multa no valor de R$ 1 milhão referente à cláusula de 10% prevista em caso de inadimplência. Ele quer a rescisão do contrato.

O ex-jogador de futebol ainda não foi localizado pelo Oficial de Justiça.

Publicações relacionadas

X