Calendário: auxílio emergencial libera novo lote de saques nesta quarta, 9 de junho; veja se recebe

 Calendário: auxílio emergencial libera novo lote de saques nesta quarta, 9 de junho; veja se recebe

O pagamento do auxílio emergencial 2021 acontece de forma digital, sem necessidade de ir a agência da Caixa Econômica Federal. (Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

Novo auxílio emergencial segue sendo pago pela Caixa Econômica Federal, via poupança digital. Os saques estão acontecendo

O Auxílio Emergencial 2021 está na décima semana de seu calendário, que está em fase de saques. Os pagamentos voltaram a ser pausados. O crédito é feito em poupança digital, sem necessidade de comparecimento a agências da Caixa Econômica Federal.

Organização

O calendário do auxílio emergencial 2021 segue o esquema do ano passado, com um escalonamento por mês de nascimento. Há um calendário do auxílio emergencial para as pessoas receberem o crédito na Conta Social Digital da Caixa Econômica Federal, e outro para saques.

 

Grupos

Segundo o presidente da Caixa, Pero Guimarães, o Governo Federal, por meio da Dataprev, tem dividido os beneficiários do auxílio emergencial em grupos.

Grupo 1

Um primeiro grupo corresponde a 40 milhões de beneficiários, que conforme o calendário, tiveram os dados aprovados desde o último dia dois de abril e começaram a receber, seguindo o mês de nascimento, a partir do dia seis de abril.

Grupo 2

Já para os 200 mil aprovados no começo de abril, ainda segundo Guimarães, o pagamento da primeira parcela do auxílio emergencial teve uma alteração no calendário, que pode ser conferida abaixo.

Vale ressaltar, que essas pessoas que estão sendo aprovadas, depois do lançamento inicial do calendário do auxílio emergencial estão inscritas desde o ano passado e com dados sendo cruzados nas bases analisadas pela Dataprev pelo mesmo período de tempo. O governo federal não abriu novas inscrições no auxílio emergencial em 2021.

Grupo 3

Cerca de 206,1 mil trabalhadores informais que corrigiram informações no cadastro foram incluídos na nova rodada do auxílio emergencial, no fim de abril. Segundo o Ministério da Cidadania, foram aprovados 206.126 novos benefícios.

Desse total, 142.531 têm direito à cota de R$ 150 (pessoas que moram sozinhas), 39.719 receberão R$ 250 e 23.876 mulheres chefes de família que sustentam a casa sozinhas receberão R$ 375.

Quem recebe ou saca nesta quarta (9), e quanto?

calendário de saques do auxílio emergencial 2021 voltou na segunda-feira (31), com liberação da 2º parcela. Nesta quarta (9), há saques para os nascidos em junho. Beneficiários aprovados em 27 de abril sacam a 1º e a 2º parcela juntas.

Segundo o calendário do auxílio emergencial 2021, a Caixa Econômica encerrou o 2º ciclo, com pagamento da 2º parcela. O ciclo 3, com pagamento da 3º parcela, começa ainda em junho. Beneficiários aprovados em 27 de abril receberam a 1º e a 2º parcela juntas, mas o pagamento normaliza, a partir da 3º parcela. [Você pode conferir todos os calendários atualizados abaixo].

Bolsa Família

O calendário da 2º parcela do auxílio emergencial 2021 encerrou na segunda (31), mas volta ainda em junho.

Quando creditado, o dinheiro pode ser acessado apenas por meio do Caixa Tem, sem necessidade de comparecimento a agência da Caixa Econômica Federal.

O auxílio emergencial 2021 tem valores de:

  • R$ 250, em média, para o público geral;
  • As mulheres chefes de família monoparental (criam os filhos sozinhas), terão direito a R$ 375;
  • Os indivíduos que moram sozinhos – família unipessoal –, receberão R$ 150.

Quem já recebeu o auxílio emergencial 2021?

Já receberam e sacaram a 1º parcela do auxílio emergencial todos os beneficiários aprovados antes de 27 de abril. Entre os aprovados em 27 de abril, receberam a 1º parcela os nascidos até dezembro. Todos os beneficiários do Bolsa Família já receberam e sacaram a 1º parcela.

Já receberam a 2º parcela do auxílio emergencial todos os beneficiários nascidos até dezembro. Já sacaram os nascidos até junho. Do Bolsa Família, receberam até aqueles que têm NIS terminado em 0.

Ainda não começaram os pagamentos ou saques da 3º parcela.

Como consultar

Após a segunda parcela, esse público será incorporado ao calendário tradicional e receberá a terceira e a quarta parcelas nas datas estabelecidas. A relação dos beneficiados pode ser consultada no portal consultaauxilio.cidadania.gov.br, no site auxilio.caixa.gov.br ou pelo telefone 111.

Confira todos os calendários

Pagamentos

Ciclo 2

Parcela 2 – Público geral – saques

  • Nascidos em janeiro – 31/05*
  • Nascidos em fevereiro – 01/06
  • Nascidos em março – 02/06
  • Nascidos em abril  – 04/06
  • Nascidos em maio – 08/06
  • Nascidos em junho – 09/06
  • Nascidos em julho – 10/06
  • Nascidos em agosto – 11/06
  • Nascidos em setembro – 14/06
  • Nascidos em outubro – 15/06
  • Nascidos em novembro – 16/06
  • Nascidos em dezembro – 17/06

*Público aprovado em 27 de abril saca 1º e 2º parcelas de uma vez, no calendário em que o público normal está recebendo apenas a primeira. A terceira e a quarta serão recebidas segundo os calendários normais do programa

Ciclo 3

Parcela 3 – Público geral – pagamentos

  • Nascidos em janeiro – 20/06
  • Nascidos em fevereiro – 23/06
  • Nascidos em março – 25/06
  • Nascidos em abril  – 27/06
  • Nascidos em maio – 30/06
  • Nascidos em junho – 04/07
  • Nascidos em julho – 06/07
  • Nascidos em agosto – 09/07
  • Nascidos em setembro – 11/07
  • Nascidos em outubro – 14/07
  • Nascidos em novembro – 18/07
  • Nascidos em dezembro – 21/07

 

Parcela 3 – Público geral – saques

  • Nascidos em janeiro – 13/07
  • Nascidos em fevereiro – 15/07
  • Nascidos em março – 16/07
  • Nascidos em abril  – 20/07
  • Nascidos em maio – 22/07
  • Nascidos em junho – 27/07
  • Nascidos em julho – 29/07
  • Nascidos em agosto – 30/07
  • Nascidos em setembro – 04/08
  • Nascidos em outubro – 06/08
  • Nascidos em novembro – 10/08
  • Nascidos em dezembro – 12/08

Ciclo 4

Parcela 4 – Público geral

  • Nascidos em janeiro – 23/07
  • Nascidos em fevereiro – 25/07
  • Nascidos em março – 28/07
  • Nascidos em abril  – 01/08
  • Nascidos em maio – 03/08
  • Nascidos em junho – 05/08
  • Nascidos em julho – 08/08
  • Nascidos em agosto – 11/08
  • Nascidos em setembro – 15/08
  • Nascidos em outubro – 18/08
  • Nascidos em novembro – 20/08
  • Nascidos em dezembro – 22/08

 

Parcela 4 – Público geral

  • Nascidos em janeiro – 13/08
  • Nascidos em fevereiro – 17/08
  • Nascidos em março – 19/08
  • Nascidos em abril  – 23/08
  • Nascidos em maio – 25/08
  • Nascidos em junho – 27/08
  • Nascidos em julho – 30/08
  • Nascidos em agosto – 01/09
  • Nascidos em setembro – 03/09
  • Nascidos em outubro – 06/09
  • Nascidos em novembro – 08/09
  • Nascidos em dezembro – 10/09

 

Bolsa Família

Os beneficiários do Bolsa Família seguiam o calendário habitual do programa para receber o auxílio emergencial.

Confira abaixo os calendários do auxílio emergencial 2021 para beneficiários do Bolsa Família:

Abril

  • 16/04 – NIS final 1
  • 19/04 – NIS final 2
  • 20/04 – NIS final 3
  • 22/04 – NIS final 4
  • 23/04 – NIS final 5
  • 26/04 – NIS final 6
  • 27/04 – NIS final 7
  • 28/04 – NIS final 8
  • 29/04 – NIS final 9
  • 30/04 – NIS final 0

 

Maio

  • 18/05 – NIS final 1
  • 19/05 – NIS final 2
  • 20/05 – NIS final 3
  • 21/05 – NIS final 4
  • 24/05 – NIS final 5
  • 25/05 – NIS final 6
  • 26/05 – NIS final 7
  • 27/05 – NIS final 8
  • 28/05 – NIS final 9
  • 31/05 – NIS final 0

 

Junho

  • 17/06 – NIS final 1
  • 18/06 – NIS final 2
  • 21/06 – NIS final 3
  • 22/06 – NIS final 4
  • 23/06 – NIS final 5
  • 24/06 – NIS final 6
  • 25/06 – NIS final 7
  • 28/06 – NIS final 8
  • 29/06 – NIS final 9
  • 30/06 – NIS final 0

 

Julho

  • 19/06 – NIS final 1
  • 20/06 – NIS final 2
  • 21/06 – NIS final 3
  • 22/06 – NIS final 4
  • 23/06 – NIS final 5
  • 26/06 – NIS final 6
  • 27/06 – NIS final 7
  • 28/06 – NIS final 8
  • 29/06 – NIS final 9
  • 30/06 – NIS final 0

 

Pix

Outro recurso recente para os contemplados com o Auxílio Emergencial 2021 é a possibilidade de transferências instantâneas entre bancos via PIX (exceto para contas de mesma titularidade do beneficiário). Saiba mais sobre a movimentação do auxílio emergencial via Pix aqui.

Um em cada três brasileiros

A primeira parcela do Auxílio Emergencial 2021 chegou a um total de 39,1 milhões de famílias. Os números levam em conta os inscritos no Cadastro Único, as pessoas contempladas via aplicativos e meios digitais e os beneficiários do Bolsa Família. A estimativa é de que esse público represente 77,2 milhões de pessoas, ou 36,5% da população brasileira, projetando a contagem de elegíveis e o número de integrantes por família. Os dados são de uma plataforma atualizada pelo Ministério da Cidadania com informações da Secretaria Nacional do Cadastro Único e da Secretaria Nacional de Renda de Cidadania.

Dentro desse total de elegíveis, há 23,89 milhões de contemplados via aplicativos e meios digitais, 10,01 milhões do Bolsa Família e outros 5,27 milhões do Cadastro Único (exceto Bolsa Família). O valor total investido nos repasses para a primeira parcela totalizou R$ 8,9 bilhões. O orçamento total aprovado para o pagamento do Auxílio Emergencial 2021 pelo Congresso Nacional é de R$ 44 bilhões.

O benefício é pago em quatro parcelas, com valor médio de R$ 250, exceção às mulheres chefes de família monoparental (criam os filhos sozinhas), que recebem R$ 375, e os indivíduos que moram sozinhos (família unipessoal), que recebem R$ 150.

 

Como contestar

O prazo para contestar a decisão sobre o auxílio emergencial é de até 10 dias após o resultado da aprovação ou não do beneficiário. Caso o cidadão entenda que cumpre critérios de elegibilidade, ele deve clicar na opção que aparece no Portal de Consultas da Dataprev e enviar o pedido.

>> Como e quando contestar auxílio emergencial negado?

 

Dúvidas

Quem ainda tem dúvidas sobre o pagamento pode entrar em contato com a Caixa pela central telefônica 111 de segunda a sexta, das 7h às 22h. Além disso, os beneficiários podem acessar o site da Caixa.

Fonte: Tv Jornal

Publicações relacionadas

X