Memorial da Gratidão homenageia médicos mortos pela Covid-19 no RS

 Memorial da Gratidão homenageia médicos mortos pela Covid-19 no RS

(Reprodução/ Metrópoles)

Memorial idealizado pela Associação Médica do RS presta tributo a profissionais da Saúde que perderam suas vidas durante a pandemia

A Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS) inaugura nesta quinta-feira (16/12) o maior memorial do país para médicos que morreram no combate ao coronavírus. A instalação inédita integra a celebração dos 70 anos da entidade.

A inauguração do espaço contará com uma solenidade para convidados, às 19h, com a participação de familiares das vítimas.

De acordo com o Conselho Federal de Medicina (CFM), mais de 800 profissionais da saúde morreram em função da pandemia desde o seu início, em 2020, e 2,4% dos casos ocorreram no Rio Grande do Sul.

O escultor e médico associado da AMRIGS Paulo Favalli é o criador da obra de arte, que será dividida em três conceitos: a morte, a ciência e a cura. O Quarteto de Cordas do Theatro São Pedro se apresentará, promovendo uma experiência sensorial que ilustrará os três momentos representados na obra do escultor.

“O memorial lembrará para sempre a luta que ainda persiste daqueles que entregaram suas vidas ao combate e à cura de uma doença que matou quase quatro milhões de seres humanos em menos de dois anos”, afirmou o presidente da AMRIGS, Gerson Junqueira Jr.

Fonte: Metrópoles

Publicações relacionadas

X