Mulher que pulou de prédio para fugir de estupro volta a andar

 Mulher que pulou de prédio para fugir de estupro volta a andar

Foto: reprodução

A microempresária Juliane Lacerda, de 36 anos, conseguiu dar os primeiros passos sozinha, após sofrer grave lesão medular, que lhe trouxe a incerteza se poderia andar novamente. No dia 29 de janeiro, ela se jogou de um prédio para escapar de um estupro, em Goiânia.

Juliane conseguiu o feito de andar de novo em 15 de abril, durante uma sessão de fisioterapia no Centro Estadual de Reabilitação e Readaptação Dr. Henrique Santillo (Crer).

– Eu fiquei sem acreditar – disse ela, quase três meses depois do evento traumático.

– Primeiro, eu engatinhei; depois, consegui ficar de pé. É como se eu nunca tivesse andado antes. É reaprender tudo do zero. Agora, eu preciso ganhar força e equilíbrio. É bem difícil ainda. O andador é pesado, mas pelo menos estou saindo da cadeira de rodas, porque, desde que saí do hospital, eu só estava na cadeira de rodas – relatou.

Desde então, Juliane passou a treinar em casa com um andador que acabara de comprar. As sessões de fisioterapia para retomar o equilíbrio e a força das pernas também seguem firmes.

– O foco agora é esse – declarou Juliane.

Fonte: Pleno News

Publicações relacionadas

X