Empresário perde pais para Covid em intervalo de meia hora

 Empresário perde pais para Covid em intervalo de meia hora

Foto: Metrópoles

Os pais de um empresário goiano morador do Rio de Janeiro morreram de Covid-19 em um intervalo de 30 minutos, em Goiânia. As vítimas estavam internadas, sedadas e intubadas, em hospitais diferentes na capital, e não resistiram às complicações da doença. Em luto, o filho único do casal cancelou casamento que estava marcado para junho.

Foto: Metrópoles

A mãe, Ilidia Pinheiro Penteado, de 61, morreu às 21h35, na unidade de terapia intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas. O pai, Carlos Mário Arruda Penteado Júnior, de 58, às 22h, em um hospital particular na capital.

“Minha mãe foi internada com problemas estomacais e pegou Covid-19”, afirmou o filho do casal, o empresário Israel Augusto Pinheiro Penteado, de 37, em reportagem do G1. “De repente um incidente na saúde levou minha mãe para dentro do hospital e, lá dentro, ela se contaminou e nunca mais saiu”, desabafou.

Tomado pelo luto, o filho relatou como ocorreu a segunda contaminação na família. “Meu pai contraiu a doença enquanto estava como acompanhante dela”, afirmou.

A data das mortes foi repassada ao Metrópoles pela Central de Óbitos de Goiânia: elas ocorreram no último dia 27/3.

Foto: Metrópoles
Agravamento

Depois de testar positivo para o coronavírus, o pai ficou em tratamento em casa, mas, de acordo com o empresário, ele teve de ser levado para o hospital depois de seu estado de saúde se agravar.

“Sempre fizemos tudo certo. Mantivemos o distanciamento social e a higiene, usando máscara, lavando sempre as mãos, passando álcool em gel”, disse o filho.

O goiano contou que foi contaminado pelo coronavírus. “Também peguei e fiquei isolado na casa deles por oito dias depois das mortes, sem poder receber ninguém, sem receber um abraço, nada”, lamentou.

Casamento

O empresário estava com casamento marcado, para o dia 5 de junho, no Rio de Janeiro, onde mora, com toda cerimônia planejada. Após perder os pais, ele cancelou tudo e marcou apenas o registro no civil com a noiva.

Logo depois de saber que os pais contraíram o coronavírus, o goiano saiu do Rio para Goiânia. Neste período, o empresário se dedicou, exclusivamente, ao tratamento deles.

Como os pais morreram de Covid, não houve velório. O Metrópoles não conseguiu localizar contato do filho nem obteve retorno da funerária para saber informações sobre o local do velório.

Fonte: Metrópoles

 

Publicações relacionadas

X