Tá procurando o quê?
Onde?

Ipatinga destina 7.500 kits de alimentação para famílias de alunos em situação de vulnerabilidade

 Ipatinga destina 7.500 kits de alimentação para famílias de alunos em situação de vulnerabilidade

Por meio da Secretaria Municipal de Educação (SME), a Prefeitura de Ipatinga destinará cerca de 7.500 kits de alimentação para famílias de alunos em situação de vulnerabilidade, enquanto perdurarem as aulas em modelo remoto como medida de prevenção contra a Covid-19. A previsão é de que os kits sejam entregues na última semana de abril, sendo que a distribuição será mensal, enquanto as aulas presenciais permanecerem suspensas.

A decisão foi tomada pela gestão do município devido aos protocolos restritivos da Deliberação 130 do Governo do Estado, que colocou todo o estado de Minas Gerais na chamada “Onda Roxa”. Assim, as aulas que estavam acontecendo em regime semipresencial voltaram a ocorrer de forma remota.

Os kits, que possuem os mesmos gêneros alimentícios que fazem parte da merenda escolar, serão entregues para famílias que são beneficiárias do programa Bolsa Família e para aqueles que possuem o cadastro de vulnerabilidade social do ano de 2020.

A secretária interina de Educação, Patrícia Avelar, destacou a importância da iniciativa para as famílias que irão receber o benefício. “No período pré-pandemia, quando ainda tínhamos as aulas presenciais, a merenda escolar era muito importante para numerosas famílias em condição de vulnerabilidade. Não raro, era como uma refeição para os alunos. Agora, como esses estudantes estão impossibilitados de comparecer aos estabelecimentos, destinaremos esses 7.500 kits para que as suas famílias os utilizem como socorro nutricional, pois todo estudante da rede municipal tem direito à merenda escolar, mesmo em casa”, disse.

Publicações relacionadas