Tá procurando o quê?
Onde?

“Olhar no Autismo” já atende mais de 40 crianças em Santana do Paraíso

 “Olhar no Autismo” já atende mais de  40 crianças em Santana do Paraíso

Neste mês de abril, dedicado à conscientização sobre o autismo, a Prefeitura de Santana do Paraíso está ampliando e aprimorando as ações do projeto Olhar no Autismo, cujo objetivo é valorizar a participação dos pais, familiares e da comunidade no acompanhamento das crianças com suspeita ou já diagnosticadas com o Transtorno do Espectro Autista (TEA).

Atualmente, o projeto Olhar no Autismo já tem mais de 40 crianças atendidas e está caminhando para acolher ainda mais famílias. Os atendimentos presenciais estão cumprindo as normas de segurança estabelecidas pelas autoridades sanitárias, em razão da pandemia da Covid-19.

A fonoaudióloga do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) de Santana do Paraíso, Stephanie Martins, ressalta que o autismo é um transtorno global do desenvolvimento, marcado pela inaptidão na interação social e dificuldade no domínio da linguagem para comunicar-se ou lidar com jogos simbólicos. De acordo com a especialista, a pessoa autista possui um padrão de comportamento restritivo e repetitivo. Além disso, há graus de severidade e características distintas para cada indivíduo.

Conforme Stephanie Martins, o Olhar no Autismo tem sido essencial para aprimorar o desenvolvimento das crianças atendidas pelo projeto. “Sabe-se que há uma grande incidência de casos de crianças com o transtorno na cidade de Santana do Paraíso, o que cria, dessa forma, a necessidade de um acolhimento integral e humanizado das famílias dessas crianças, além da oferta de um tratamento multiprofissional adequado. Também valoriza-se o papel da escola no desenvolvimento educacional de qualidade para esse público. Esse tem sido o nosso compromisso por meio do projeto Olhar no Autismo”, pontua a fonoaudióloga, lembrando que a data de 2 de abril marca o Dia Mundial de Conscientização sobre o Autismo.

 

 

 

 

Publicações relacionadas