Tá procurando o quê?
Onde?

Fabriciano realiza pesagem de beneficiários do Bolsa Família

 Fabriciano realiza pesagem de beneficiários do Bolsa Família

Medição e Pesagem de criança de família beneficiada pelo Bolsa Família. Data: 05/06/2014. Foto: Bruno Campos/Prefeitura de Macaé

A Prefeitura de Coronel Fabriciano, por meio da Secretaria de Governança de Assistência Social e Secretaria de Governança em Saúde, realiza de 29 de março a 30 de abril a pesagem dos beneficiários do Programa Bolsa Família. A pesagem anual e obrigatória será realizada nas Unidades Básicas de Saúde e em oito pontos diferentes da cidade.

Devem ser pesadas crianças de 0 a 7 anos, mulheres de 14 a 44 anos e gestantes de qualquer idade. O beneficiário deve apresentar o cartão e a cartilha do programa Bolsa Família, a caderneta de vacinação e o cartão da gestante. Quem não se pesar será notificado pelo Ministério da Cidadania (Governo Federal) por meio de mensagens no extrato bancário e instruído a procurar a sede do programa Bolsa Família na cidade. Caso não siga as orientações, o benefício pode ser bloqueado ou até cancelado.

De 12 a 16 de abril, haverá tendas de pesagem em toda a cidade para intensificar a ação que já será realizada em todas as unidades básicas de saúde.

“A pesagem do Bolsa Família é uma condicionalidade que a família deve cumprir ao ter o benefício concedido. É uma exigência que ocorre duas vezes no ano para controle da saúde da mulher, crianças e gestantes”, informa a coordenadora de transferência de renda e benefícios sociais da prefeitura, Gabrielle de Araújo Santos Oliveira.

Desde a criação, o Bolsa Família impõe essa condição aos beneficiários como forma de acompanhar o desenvolvimento das famílias, especialmente crianças e adultos com quadro de desnutrição. Coronel Fabriciano possui 15.337 famílias cadastradas no CAD Único e dessas, 5.400 recebem o Bolsa Família.

Letícia Godinho, Secretária de Governança de Assistência Social, informa que mesmo com a pandemia é extremamente necessário que o município atinja a meta de 80% de pesagem, pois mais do que nunca é fundamental que as crianças, mulheres e gestantes estejam em condições de saúde adequadas.

“Mesmo com a pandemia, esperamos que as famílias se mobilizem para acompanhar as condições de saúde, lembrando que a pesagem e a frequência escolar são compromissos que a família assume com o governo no momento que solicita o benefício de transferência de renda.”, disse Letícia.

Publicações relacionadas