Longe do título, Galo pega Santos, que está com cabeça na final da Libertadores

 Longe do título, Galo pega Santos, que está com cabeça na final da Libertadores

No primeiro turno, o Galo perdeu, na Vila Belmiro, por 3 a 1 — Foto: Pedro Souza/Atlético

O sonho de título do Atlético está cada vez mais distante, mas, sem muito tempo para pensar em classificação, o Galo já entra em campo novamente, nesta terça-feira (26), contra o Santos, no Mineirão, em partida adiada da 28ª rodada. Por “sorte”, o Peixe, de olho na final da Libertadores que será disputada no sábado (30), com o Palmeiras, deve jogar com quase nenhum jogador titular.

Encarar o time reserva santista pode parecer tarefa fácil, mas, com um time misto, a equipe comandada por Cuca venceu o clássico contra o São Paulo, que, na época, era líder, por 1 a 0, na 29ª rodada. O goleiro John, que tem alternado a titularidade com João Paulo, deve ser o único da equipe principal no confronto. Para o volante Jair, o desafio é grande, mesmo sem o time titular do Peixe.

“Não acredito que tenha time reserva e titular até porque é a camisa do Santos. É um jogo difícil, a gente tem que buscar o ritmo que a gente impõe dentro de casa. A gente não pode mais perder pontos. A gente ainda acredita muito no título e é isso que vamos buscar”, disse o volante.

O Galo chega para o confronto desmotivado depois de perder para o Vasco, em São Januário, por 3 a 2. A equipe atleticana não consegue emplacar bons resultados e vive de altos e baixos. Erros individuais prejudicaram a equipe contra o Cruzmaltino e fizeram as chances de título caírem.

“No início do campeonato, a gente também teve sequência de vitórias, assim como Inter e São Paulo. Oscilamos como outras equipes também oscilaram. Se quisermos ser campeões, temos que conquistar uma regularidade de vitórias. Temos de focar mais, buscar mais. Não tem mais o que explicar. A gente tem que fazer dentro de campo. Esse é o caminho”, comentou o jogador.

De acordo com o Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais, o Internacional disparou na lista de favoritos ao título. O Colorado tem 77,7% de chances de ser campeão. Enquanto isso, o Galo, em segundo, com apenas 8,4%. A má fase do São Paulo fez a equipe paulista diminuir muito a probabilidade de título. O Tricolor tem, segundo o estudo, 7% de chances. O Flamengo segue na cola e está com 5,6%.

“Eu ainda acredito no título. A gente está em uma grande equipe e o Atlético-MG sempre tem que buscar títulos. Este ano, no próximo, sempre tem que estar brigando. Todos aqui acreditam e é isso que a gente vai buscar”, afirmou Jair.

A tabela do Brasileirão não é nada animadora. O Galo está em quarto e tem oito pontos a menos do que o líder Internacional, que já embala oito vitórias seguidas e está isolado com 62. Em segundo, o São Paulo que não vence há cinco jogos, tem 58 pontos.

Principalmente após a derrota para o Vasco, que, na teoria, seria um adversário fácil, a torcida do Atlético fez muitas críticas ao elenco e às decisões de Jorge Sampaoli. O Galo foi, por muitas rodadas, o melhor ataque da competição. Foi ultrapassado pelo Internacional, mas segue marcando muitos gols, porém, ao sair para o ataque, o Galo não consegue manter o equilíbrio e tem a defesa mais vazada entre os seis primeiros colocados.

Escalação 

O Atlético recebe o Santos sem novos desfalques. O meia Matías Zaracho voltou a treinar com bola no domingo (24) depois de sofrer um estiramento muscular na coxa esquerda, em dezembro. O jogador ainda não deve estar pronto para o duelo com o Peixe. Diego Tardelli, seguindo a teoria de Sampaoli de que o jogador precisaria do mês de janeiro para estar preparado, depois da grave lesão, ainda não deve estar com o grupo.

Provável Atlético: Everson; Guga, Réver, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Jair e Hyoran; Savarino, Keno e Eduardo Vargas.

O Santos, décimo colocado no Campeonato Brasileiro, encara o Galo pensando na final da Libertadores, disputada em jogo único, neste sábado (30), com o Palmeiras e, por isso,  deve entrar em campo apenas com um jogador titular, o goleiro John.

Provável Santos: John; Madson, Laércio (Luiz Felipe), Alex e Wagner Leonardo; Vinicius Balieiro (Guilherme Nunes), Jean Mota e Lucas Lourenço; Tailson, Bruno Marques (Marcos Leonardo) e Arthur Gomes.

FICHA TÉCNICA 

ATLÉTICO x SANTOS

Motivo: 28ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro

Data: terça-feira, 26 de janeiro de 2021

Horário: 20h

Local: Mineirão

Transmissão: Premiere e Rádio Super 91,7 FM

Árbitro:Paulo Roberto Alves Junior (PR) (CBF)

Auxiliares: Ivan Carlos Bohn e RafaelTrombeta (PR) (CBF)

VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN) (CBF)

Fonte: O Tempo

Publicações relacionadas

X