Tá procurando o quê?
Onde?

Janaina sobre Bolsonaro: “No que depender de mim, não terá impeachment”

 Janaina sobre Bolsonaro: “No que depender de mim, não terá impeachment”

Fábio Rodrigues Pozzebom | Agência Brasil

A deputada estadual Janaina Paschoal (PSL-SP) disse, nesta quarta-feira (20), que não compactua com a ideia de abertura de um processo de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro.

Segundo a parlamentar, há quem esqueça os treze anos em que o Partido dos Trabalhadores (PT) governou o Brasil — gerando retrocesso, aparelhamento das instituições e diversos escândalos de corrupção.

“Aos que não se lembram e aos que têm interesse em não lembrar: Foram treze anos de desmandos do PT no poder! Treze anos com Mensalão, Petrolão, Vassalagem a ditaduras amigas, obras faraônicas fora do país, remessas de dinheiro público ao exterior, perseguições nas Universidades.”

“Tirar o PT do poder foi um parto demorado e dolorido”, afirmou Janaina, ressaltando que, apesar das críticas, ela não é ‘burra’ para ‘correr’ para os braços da cúpula petista.

“Meu papel foi muito além de bater panela na janela da sala! São dois anos de um governo de direita. Tenho várias críticas a esse governo, muitas decepções. Mas eu não sou BURRA para sair correndo para os braços do PT”, frisou.

Por fim, ela teceu críticas aos que estão formando uma ‘frente ampla’ pela remoção do chefe do Executivo — assegurando que rejeita a possibilidade de impeachment.

“Numa tal Frente Ampla entre os que sempre dominaram (e ainda dominam) este país. Não vai ser pressão que vai me pautar. Seguirei crítica a Bolsonaro, pois não sou baba ovo de ninguém. Mas no que depender de mim, não terá impeachment!”, completou.

Fonte: Conexão Política 

Publicações relacionadas