Tá procurando o quê?
Onde?

SAMU Regional é inaugurado em GV e abrange 86 municípios

 SAMU Regional é inaugurado em GV e abrange 86 municípios

O bom senso prevaleceu e lideranças das regiões do Vale do Aço e Vale do Rio Doce concluíram, nesta segunda-feira (28/12), um novo capítulo da história política-administrativa, com a inauguração da Central de Regulação do Serviço Móvel de Urgência (SAMU Regional), localizado no prédio da 8ª RISP, em Governador Valadares. Com a participação em um Consórcio de Saúde (Consurge), os recursos da parceria tripartite entre governo federal (50%), governo estadual (45%) e atualmente 60 municípios (15%), serão destinados ao SAMU Regional (192). O serviço contará com bases de apoio nos municípios de Belo Oriente, Caratinga, Coronel Fabriciano, Governador Valadares, Mantena, Peçanha, Resplendor, Santa Maria do Suaçuí, Tarumirim e Timóteo.

De acordo com a deputada federal Alê Silva, não existe protagonismo político com esta conquista, que é do povo. “O que existe é a união de forças e lideranças para transformar o Vale do Aço e o Vale do Rio Doce no Leste de Minas mais forte e representativo”, comparou. Para a deputada, o Consurge, administrador do SAMU Regional, mostrou que tem capacidade de assumir o controle do serviço. De acordo com Alê, o trabalho desenvolvido pelo diretor executivo, Narcélio Costa, trouxe benefícios para profissionais de saúde e sobretudo para a população.

“Para atender a demanda da macrorregião, novos profissionais foram contratados por meio de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com Ministério Público que autorizou a contratação dos aprovados do último concurso. Mais uma conquista liderada pelo Narcélio, a quem rendo meu apoio”, confirma Alê Silva.

“Meu reconhecimento e admiração ao trabalho desenvolvido pelo Narcélio Costa e aos socorristas que serão responsáveis por cobrir toda essa região com o SAMU Regional, que conta com 86 municípios. E nisso precisamos reconhecer o empenho do governo do estado, que priorizou e fez justiça com a contratação dos profissionais aprovados no concurso anterior”, lembra a deputada federal

A deputada federal Alê Silva também enalteceu o trabalho do governador Romeu Zema e sua equipe de governo, que mesmo assumindo um estado falido e sem crédito, conseguiram viabilizar recursos necessários para quitar o convênio, paralisado há anos pelo descaso e a falta de interesse de administrações passadas.

Publicações relacionadas