Tá procurando o quê?
Onde?

Vereadores de Timóteo debatem o orçamento municipal para o próximo ano

 Vereadores de Timóteo debatem o orçamento municipal para o próximo ano

Nesta quarta-feira (16), os vereadores receberam os representantes de mais quatro secretarias para a explanação e discussão sobre os orçamentos das pastas. As reuniões têm como objetivo esclarecer de que forma o Executivo pretende executar o orçamento em 2021, de R$ 241.314.100,50 além de créditos adicionais e suplementares em até 20%. Esse montante está previsto na Lei Orçamentária Anual (LOA).

Na área da Saúde, a subsecretária Gabriela Caliman falou da desejada plenagem da Saúde Pública Municipal, que tem como objetivo a gestão autossuficiente o sistema de saúde de Timóteo. Com a plenagem, a Saúde municipal passa a ter administração própria sem a intermediação do Estado, ficando com a gestão desde a atenção primária, até a hospitalar. Os serviços poderão ser terceirizados, mas a seleção e contratação continuam na responsabilidade do Executivo. Segundo a subsecretária, a plenagem permite a desburocratização do repasse dos recursos que passam a vir da União direto para o município, trazendo agilidade para a gestão.

Na pasta da Assistência Social, a secretária Rosanna Borges salientou que no planejamento está sendo cumprido o investimento mínimo estipulado na LDO e que ainda há previsão de complementação pelo Estado e pela União com transferências específicas para essa pasta.

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Hiler Félix, apresentou projetos para o desenvolvimento, turismo e geração de emprego e renda na cidade. Dentre os planos, destacam-se a reforma do Pico do Ana Moura, a reforma do espaço da Feira do Timirim, a criação de um centro de apoio ao turismo na região dos bairros Macuco e Celeste e um diagnóstico do Distrito Industrial para identificar as empresas paralisadas.

Na pasta de Administração, foram apresentadas as mudanças nas compras e licitações e a consolidação do estatuto do servidor e plano de carreira, de cargos e salários. Já o secretário de Obras, Serviços Urbanos e Meio Ambiente, Sérgio Martins, destacou a instalação da iluminação pública de LED em toda a cidade, um investimento que visa um futuro retorno econômico ao município e ao munícipe, além de apresentar outros planos de melhorias estruturais em Timóteo.

Parte dos vereadores eleitos para o próximo pleito também participaram das discussões. A LOA passa por votação nesta quinta-feira (17), às 14h, na última reunião ordinária da 14ª legislatura, no Plenário da Câmara de Timóteo.

Publicações relacionadas