Tá procurando o quê?
Onde?

Antonio Fagundes relembra ‘Vale Tudo’ e atesta: ‘Brasil não evoluiu em nada’

 Antonio Fagundes relembra ‘Vale Tudo’ e atesta: ‘Brasil não evoluiu em nada’

O ator Antonio Fagundes, 71, resolveu fazer uma comparação entre o momento atual do Brasil e o retratado na novela “Vale Tudo”, que foi ao ar entre 1988 e 1989, na Globo.

Na trama, os assuntos abordados eram a corrupção, a inversão de valores e a falta de ética. Personagem dele, aliás, Ivan Meirelles, era ambicioso e, por dificuldades financeiras, mentia o currículo para conseguir emprego.

No fim dos anos 1980, o Brasil vivia um momento de crise econômica e desesperança. E a trama conseguiu levar esse sentimento para a TV ao propor essa discussão e falar sobre falta de ética, corrupção e o famoso ‘jeitinho brasileiro’. O grande tema de ‘Vale Tudo’, segundo o próprio autor Gilberto Braga, era: ‘Vale a pena ser honesto num país onde todo mundo é desonesto?’

“Infelizmente, a novela continua atual. O Brasil não evoluiu em absolutamente nada de lá pra cá. Esse era o mérito na época e continua sendo hoje. A novela foi reprisada com extraordinário sucesso porque as pessoas reconheciam a realidade brasileira. Então, isso é um dos méritos dessa novela”, disse ele em entrevista ao programa Conversa com Bial (Globo), no ar na madrugada de quarta-feira (9).

Em fevereiro de 2019, o canal Viva exibia o último capítulo da reprise da novela “Vale Tudo”. A trama teve boa audiência e repercussão. Para o Viva, a reexibição da trama (a novela já tinha sido reprisada pelo canal em 2010) é considerada novamente um sucesso.

Segundo a emissora, a trama de Gilberto Braga, Aguinaldo Silva e Leonor Bassères foi líder de audiência no ranking da TV paga nos dois horários de exibição: às 15h30 e à 0h.

Ainda de acordo com o canal, com base em dados do Ibope, “mais de 12,5 milhões de pessoas foram impactadas pela exibição dos capítulos de ‘Vale Tudo’.”

Fonte: Notícias ao Minuto

Publicações relacionadas