No Dia Nacional do Doador de Sangue, Hospital Márcio Cunha realiza campanha para reforçar os estoques de sangue e salvar vidas

 No Dia Nacional do Doador de Sangue, Hospital Márcio Cunha realiza campanha para reforçar os estoques de sangue e salvar vidas

Em comemoração ao Dia Nacional do Doador de Sangue (25), o Hospital Márcio Cunha (HMC) realiza uma campanha de doação para estimular doadores voluntários, convocando a população de Ipatinga e região para abastecer os estoques de sangue na unidade hospitalar.

Administrado pela Fundação São Francisco Xavier (FSFX), braço social da Usiminas nas áreas da Saúde e Educação, o HMC conta com banco de sangue para contribuir com o estoque da unidade, e nesse momento da pandemia adotou todas as medidas necessárias de prevenção à Covid-19.

De acordo com a médica hematologista do HMC, Elisa Helena Russo Rodrigues Gomes, sempre há a necessidade de manutenção dos estoques. “Precisamos contar com as doações constantes para evitarmos o comprometimento do estoque e a capacidade do serviço em atender às necessidades transfusionais dos nossos pacientes. E, nessa data especial queremos agradecer aos voluntários e reforçar a importância de termos sempre pessoas doando sangue”.

Solidariedade

 No último sábado, o hemocentro do HMC recebeu um grupo de colaboradores voluntários das empresas Usiminas que se uniram para uma ação conjunta de doação de sangue.

Doar sangue é um gesto de amor e solidariedade ao próximo. Todos os tipos sanguíneos são importantes para ajudar a quem precisa. A doação é realizada no setor de Hemoterapia, de forma rápida e segura. O hospital adotou todas as medidas necessárias de prevenção ao COVID-19.

O agendamento pode ser realizado pelo telefone 31 – 3829 9600.

O que é preciso para ser um doador, segundo as recomendações do Ministério da Saúde e da Anvisa:

  • Estar em boas condições de saúde;
  • Ter entre 18 e 69 anos;
  • Pesar mais que 52 quilos (desconsiderar roupas e calçados);
  • Ter comportamento sexual seguro (parceiro(a) sexual fixo(a) e único(a) por, no mínimo, doze meses consecutivos).
  • Os candidatos à doação de sangue com idade entre 16 (dezesseis) e 17 (dezessete) anos podem fazer a doação, desde que seus pais estejam presentes. A doação sem a presença de um dos genitores só poderá acontecer com a assinatura do consentimento formal registrado em cartório do genitor ausente.

Publicações relacionadas

X