Tá procurando o quê?
Onde?

Quais são as diferenças entre a Covid-19 e a SARS, de 2002?

 Quais são as diferenças entre a Covid-19 e a SARS, de 2002?

A Covid-19 e a SARS (Síndrome Respiratória Aguda Grave) são doenças semelhantes, assim como a MERS (Síndrome Respiratória do Oriente Médio). Todas provocadas por microrganismos da família dos coronavírus. Até agora são conhecidos sete coronavírus que afetam os seres humanos, sendo quatro deles causadores de resfriado comum, um causador da SARS, outro da Covid-19 e outro da MERS.

Coronavírus altera o comportamento da população ao redor do mundo
Coronavírus altera o comportamento da população ao redor do mundo / Foto: EFE/EPA/JEROME FAVRE

O causador da Covid-19 é chamado de “novo” coronavírus por ser uma nova espécie de vírus dessa família. Todos provocam problemas nas vias respiratórias dos pacientes. SARS, MERS e Covid-19 comprometem os pulmões. Apesar de parecidos, há diferença entre eles. Saiba abaixo como diferenciar.

Transmissão entre espécies
Em setembro de 2003, durante a epidemia da SARS, cientistas confirmaram que o vírus podia ser transmitido de animais para seres humanos e se originou de morcegos. Almíscar, guaxinim e furão apresentaram o mesmo vírus de seres humanos. Já a Covid-19 não é transmitida de animais para o homem, segundo os estudos atuais.

Coronavírus altera o comportamento da população ao redor do mundo
Coronavírus altera o comportamento da população ao redor do mundo / Foto: EFE/EPA/DIEGO AZUBEL

Início dos contágios
O início das duas epidemias foi na China. A SARS foi registrada pela primeira vez em Guangdong, no sul da China, em 2002. Um novo surto de SARS surgiu em 2019. A Covid-19 em Wuhan, no centro do país, em dezembro passado.

Coronavírus altera o comportamento da população ao redor do mundo
Coronavírus altera o comportamento da população ao redor do mundo / Foto: EFE/EPA/JEROME FAVRE

Mortes no mundo
Até agora as vítimas computadas da Covid-19 foram de 1,23 milhão de pessoas em 188 países. Já a SARS, que atingiu 26 países entre 2002 e 2004, matou 800 pessoas.

Letalidade e transmissibilidade
A SARS tem letalidade geral muito maior do que a Covid-19, de 9,53% e 0,6%, respectivamente. No entanto, o menor número de mortos se dá pela transmissibilidade (capacidade do vírus de infectar pessoas ao redor) ser bem menor, menos de um contágio por infectado. Além disso, os sintomas da SARS aparecem mais rápido do que os da Covid-19, o que fez com que os contaminados se isolassem antes de infectar tantas pessoas sem saber.

Sintomas
O quadro clássico de sintomas da SARS engloba febre, dores de cabeça, calafrios e dores musculares. Já o da Covid-19 é de febre, dores, cansaço, falta de ar, perda do olfato e perda do paladar. Os sintomas dessa demoram ate 14 dias para aparecerem, enquanto os da SARS em cerca de cinco dias.

Fonte: Pleno News

Publicações relacionadas