Tá procurando o quê?
Onde?

São Paulo entra na fase verde nesta sexta-feira (9)

 São Paulo entra na fase verde nesta sexta-feira (9)

Informação foi confirmada por fonte do governo; setor cultural espera ansiosamente flexibilização que permite reabertura de museus, cinemas e teatros

A cidade de São Paulo entra na fase verde nesta sexta (9), confirma uma fonte ligada ao governo do estado a Vejinha. O anúncio será feito em uma entrevista coletiva, no Palácio dos Bandeirantes. Na ocasião, serão feitas atualizações dos estágios de cada região na pandemia, de acordo com o Plano São Paulo, programa de retomada de atividades econômicas.

A entrevista coletiva é esperada com ansiedade pela área cultural da cidade, porque a fase verde é condição dada pela prefeitura para a reabertura de museus, cinemas, casas de shows e teatros.

ENTENDA O HISTÓRICO
A capital paulista está na fase amarela do Plano São Paulo desde 29 de junho. Em 3 de julho, o governo do estado recomendou a reabertura das instituições culturais caso a cidade se mantivesse nesse estágio por 28 dias consecutivos, ou seja,  no dia 27 de julho. A prefeitura, que é quem bate o martelo no que abre ou não, não acatou a sugestão do governo.

No último dia 3, foram publicadas no “Diário Oficial” da cidade de São Paulo portarias relativas aos protocolos de saúde nos setores de cinemas, teatros, shows e museus. Entre as medidas que deverão ser seguidas, estão: “todos os funcionários que apresentarem sintoma de síndrome gripal (febre, mesmo que relatada, tosse ou dor de garganta ou coriza ou dificuldade respiratória) serão considerados suspeitos de portarem COVID-19, devendo ser afastados e só podendo retornar às atividades após 15 dias do primeiro sintoma, caso todos os sintomas tenham findado, ou caso esteja munido do resultado negativo” e “antes de entrar nas dependências do estabelecimento, todos os visitantes deverão sujeitar-se a medição de temperatura, sendo considerados suspeitos de portarem COVID-19 aqueles que apresentarem febre, ainda que leve (a partir de 37,5°C). Nestes casos, indicar ao usuário que procure um posto de saúde próximos da região”.

Matéria originalmente publicada em: VejaSP

Publicações relacionadas