Tá procurando o quê?
Onde?

Volta às aulas presenciais causa mais uma polêmica em Ipatinga

 Volta às aulas presenciais causa mais uma polêmica em Ipatinga

O carro de som que circulou pelas ruas de Ipatinga no fim de semana com mensagem alertando sobre o interesse da prefeitura no retorno das aulas presenciais continua causando polêmica. A mensagem difundida pelo carro de som foi produzida pela sub-sede do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG), que justificou a divulgação como “feita a partir de sinais do governo municipal”, em referência à reunião realizada no mês passado, pela Secretaria Municipal de Educação, para discutir os protocolos da volta às aulas presenciais.

A prefeitura reagiu e desmentiu a convocatória para o retorno às aulas presenciais. A secretária municipal de Educação, Eva Sônia, disse que há quase seis meses as aulas presenciais estão suspensas. A paralisação foi feita em 18 de março em função da pandemia do novo coronavírus.

“Paralisamos porque, para nós, a vida vem em primeiro lugar”, disse. Sônia afirma que desde 15 de junho, quando a Secretaria Municipal de Educação (SME) retornou das atividades remotas, não há possibilidade de voltar com as aulas presenciais: “Iremos continuar dessa forma enquanto não for possível”.

Fonte: EM

Publicações relacionadas