Tá procurando o quê?
Onde?

Fabriciano flexibiliza horário de funcionamento do comércio: de 8h às 22h

 Fabriciano flexibiliza horário de funcionamento do comércio: de 8h às 22h

O prefeito Dr. Marcos Vinicius assinou um novo Decreto Municipal nº 7.246/2020 autorizando o comércio e prestadores de serviços a funcionar de segunda a sexta-feira, até às 22h, e aos sábados, domingos e feriados, das 8h às 18h. A nova flexibilização visa justamente evitar aglomerações no comércio local, já que nos municípios vizinhos o setor está impedido de funcionar ou atendendo em horário reduzido pré-definido.

Em Fabriciano, quem opta pela abertura – inclusive, no novo horário estendido – se compromete com normas de higiene, segurança e prevenção do COVID-19 tanto para o funcionário quanto o cliente. Dentre elas, a obrigatoriedade do uso de máscaras, fornecimento de álcool em gel a 70°, medidas de limpeza e restrição de acesso no interior dos estabelecimentos, limitado a um cliente a cada quatro metros quadrados e demarcação de espaços para filas, afastamento das atividades e encaminhamento aos serviços municipais dos funcionários que apresentam sintomas para o diagnóstico e tratamento.

O proprietário e responsável pelo estabelecimento também assina um termo de compromisso, afixado em local visível, em que garante a ciência e cumprimento das regras previstas nos decretos municipais anteriores, já divulgadas amplamente. Além disso, a Prefeitura intensificou a fiscalização e mantém equipes de plantão, com punição em caso de descumprimento das regras de segurança.

“A restrição ou redução do horário do comércio local incentiva, colabora e favorece a aglomeração de pessoas, pois com menos tempo um número maior se aglomeram para adquirir o que lhe é essencial, não tendo alternativas para aquisição em outros horários se vendo obrigadas a deixarem suas residências somente no horário reduzido pré-definido”, considerou o Jurídico Municipal no decreto.

OBJETIVO DO ISOLAMENTO SOCIAL

Em Fabriciano, todas as medidas são tomadas com zelo e responsabilidade e baseadas em critérios técnicos e científicos, bem como dados epidemiológicos da cidade. Outro ponto é que a cidade já preparou seus serviços de saúde para um eventual aumento do número de casos, o que é objetivo do isolamento social adotado logo no início da pandemia, quando registrou o primeiro caso positivo de Covid-19.

Nesta semana, a Prefeitura entregou 40 leitos exclusivos no Hospital Dr. José Maria Morais, sendo 20 de UTIs, para tratar casos de maior gravidade da doença, ainda sem ociosos. Fabricianenses com suspeita ou quadro leves também são assistidos pelos serviços de Tele Orientação – EuSaúde, pelo telefone (31) 99674-7263 e presencialmente, no Centro de Referência de Enfrentamento ao Coronavírus, na rua Albert Scharlet, s/n, das 7h às 19h, inclusive aos sábados, domingos e feriados.

Até o momento, o município não registrou óbitos da doença ou casos de maior gravidade.

Publicações relacionadas