Igrejas de Ipatinga também devem se adequar às normas da Prefeitura

 Igrejas de Ipatinga também devem se adequar às normas da Prefeitura

Os cultos e outras celebrações religiosas em Ipatinga deverão respeitar, a partir de agora, enquanto durar este novo estado de alerta contra o Coronavírus, o distanciamento de uma pessoa para cada cinco metros quadrados, assim como os demais segmentos. As normas foram discutidas em encontro do prefeito Nardyello Rocha com representantes de diversas denominações, nesta terça-feira (27), no prédio-sede do Executivo, e serão oficializadas em decreto municipal que será publicado nas próximas horas.

“Desde o início nós estamos tratando da pandemia, no que se refere aos templos, de forma democrática. Por esse motivo, agora estamos recebendo os líderes a fim de discutirmos a melhor forma de evitar um maior contágio da doença nesses ambientes. Vivenciamos um momento de escassez de leitos com respiradores, chegando a uma lotação de 100% de leitos Covid/SUS, e agora a atenção precisa ser redobrada”, advertiu o prefeito Nardyello Rocha.

Durante a reunião, foram ressaltados outros cuidados sanitários imprescindíveis. Além do uso obrigatório de máscaras, mais uma vez se chamou a atenção para a higienização com álcool em gel e o distanciamento na chegada e saída das celebrações.

O pastor-presidente da Assembleia de Deus no campo de Ipatinga e Coronel Fabriciano, José Martins de Calais Júnior, elogiou a postura da Administração em promover o diálogo com o segmento que representa grande parcela da comunidade local. “Queremos parabenizar o prefeito Nardyello por levar em consideração os evangélicos da cidade, nos chamando para decisões tão importantes no enfrentamento à Covid-19. Nossas igrejas estão comprometidas em participar desse processo de forma colaborativa e louvo a Deus por podermos contar com uma gestão que tem tratado esse tema com tanta responsabilidade”, disse. 

Publicações relacionadas

X