Tá procurando o quê?
Onde?

Bolsonaro diz que restabelecerá a verdade sobre saídas de Valeixo e Moro

 Bolsonaro diz que restabelecerá a verdade sobre saídas de Valeixo e Moro

Após demitir o Diretor-Geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, e do pedido de demissão de Sérgio Moro do Ministério da Justiça, nesta sexta-feira (24), o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), afirmou que restabelecerá a verdade sobre saídas de Valeixo e Moro. Por meio das redes sociais, o presidente afirmou que fará uma coletiva no fim da tarde desta sexta, às 17h, para falar sobre os casos.

Nesta manhã, o presidente fez uma publicação indicando que a demissão de Valeixo teria ocorrido atendendo a um pedido do próprio. Desde essa quinta-feira (23), os rumores de que o diretor da PF seria demitido e que o ministro da Justiça, Sérgio Moro, pediria demissão se de fato isso ocorresse rondavam Brasília.

Logo após a exoneração de Valeixo, Sérgio Moro, que o indicou para o cargo, anunciou uma coletiva de imprensa às 11h, quando anunciou seu pedido de demissão.

Durante coletiva, o agora ex-ministro da Justiça deu declarações bastante polêmicas à respeito da conduta do presidente Jair Bolsonaro. Moro insinuou que presidente quer interferir na atuação da Polícia Federal.

“Presidente, eu não tenho nenhum problema em troca do diretor, mas eu preciso de uma causa, (como, por exemplo), um erro grave. […] O presidente me disse mais de uma vez, expressamente, que ele queria ter uma pessoa do contato pessoal dele, que ele pudesse ligar, que ele pudesse colher informações, que ele pudesse colher relatórios de inteligência, seja diretor, seja superintendente. E realmente não é o papel da Polícia Federal prestar esse tipo de informação”, declarou.

Após declarações, o presidente anunciou por meio das redes sociais que irá dar a sua versão sobre as saídas em coletiva de imprensa às 17h.

Tá procurando notícia? Dá um MaisVip que acha!

 

 

 

Publicações relacionadas