Tá procurando o quê?
Onde?

Programa Sebrae Delas dá destaque ao empreendedorismo feminino

 Programa Sebrae Delas dá destaque ao empreendedorismo feminino

No mês em que se comemora o Dia Internacional da Mulher, o empreendedorismo feminino ganha destaque. Segundo dados de 2018, divulgados na pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), dos 52 milhões de empreendedores brasileiros, 24 milhões são mulheres. Em 49 países que participaram da GEM 2018, o Brasil teve a 7ª maior proporção de mulheres entre os Empreendedores Iniciais (negócios com até 3,5 anos de existência).

Quando falamos dos Microempreendedoras Individuais (MEI), as mulheres também ocupam lugar expressivo. Uma pesquisa do Sebrae revela que, em 2020, as mulheres representam 47% do total de empreendedores formalizados nesta categoria no Brasil. A maior parte delas está envolvida com atividades nos setores de alimentação, moda e beleza, e trabalham predominantemente em casa (55%).

Os desafios, no entanto, ainda são muitos. Dados apontam que as mulheres empreendem mais por necessidade do que por oportunidade, e têm negócios menos longevos do que os dos homens.

 Sebrae DELAS

Com o objetivo de apoiar o empreendedorismo feminino e ajudar a tornar os seus negócios mais competitivos, o Sebrae criou um programa exclusivo para as mulheres: o Sebrae DELAS. Nele estão contempladas diversas ações para incentivar, apoiar e fortalecer a cultura empreendedora entre as mulheres.

O programa foi estruturado em três pilares: MEU, EU, NÓS, desdobrados em ações de sensibilização, capacitação e fortalecimento de redes que buscam mesclar os saberes e a força feminina direcionada aos negócios. O projeto começou com 200 atendimentos. Hoje mais de 500 mulheres, entre empreendedoras formais e informais, com diversos perfis, estão sendo atendidas e orientadas pelo Sebrae Minas em todo o estado, para que possam aprimorar e acelerar seus negócios.

Na Regional Rio Doce e Vale do Aço, com destaque para a microrregião de Ipatinga, o projeto atende cerca de 30 mulheres que atuam no segmento do turismo, gestão, cosméticos, artesanato, decoração, acessórios, gastronomia, moda adulto e infantil, perfumaria, papelaria e decoração. Mensalmente são realizadas capacitações voltadas a temas como planejamento, finanças, marketing e empreendedorismo.

“O Sebrae Delas vem ganhando uma forma muito consistente na Regional. Estamos trabalhando com mulheres que sonham, mas que também correm atrás. Além de capacitar, o programa busca estimulá-las a serem protagonistas, e desenvolver uma boa gestão, além de trabalhar suas habilidades empreendedoras”, destaca Vanessa Silva – assistente do Sebrae Minas e gestora do Sebrae Delas na microrregião de Ipatinga.

Andréia Maia Magalhães, integrante do Sebrae Delas, é uma das mulheres que encoraja o empreendedorismo feminino no Vale do Aço. Andreia, que é casada e mãe de quatro filhos, tinha uma carreira estruturada na área de fonoaudiologia clínica e como professora acadêmica, quando precisou assumir a gestão de um empreendimento por herança familiar. “O convite para assumir a gestão do hotel surgiu em um momento em que eu precisava ter uma rotina mais adaptável para cuidar da minha família. Aproveitei as habilidades empreendedoras que já tinha desenvolvido na área da Fonoaudiologia, o que facilitou o processo de transição”, destaca.

Para Andreia, que ingressou no Sebrae Delas em 2019, o projeto viabilizou a criação de uma rede de apoio importante para as mulheres empreendedoras da região.  “O projeto potencializa o conceito de que juntas somo mais fortes. Não há competição! No grupo, nós nos preocupamos em caminhar juntas, que é o que nos faz crescer”, ressalta Andréia.

Publicações relacionadas